Dreadful Radio Game - Capítulo 20


Capítulo 20 – Por Que


“Sim, claro.”

Su Bai virou-se com um sorriso no rosto, tirou a fruta da mão de Liu He e mordeu-a imediatamente. Foi bom, doce e suculento.

“O que você está fazendo na minha cama?” Liu He perguntou calmamente. Soou como sua voz normal; ele parecia incapaz de se irritar.

“Apenas curioso. Dei uma olhada, para ver se você escondeu algumas fotos de estrelas de cinema lá embaixo.” Su Bai respondeu, mas ele não estava levando a sério; ele tinha visto o que viu, e o que aconteceu a seguir foi apenas uma desculpa.

Liu He olhou seriamente para Su Bai e mordeu um pedaço de pêra.

Estava fresco e ele se sentiu satisfeito.

Mastigando a pêra, Liu He recostou-se, apontou na direção daquele homem de papel sob sua esteira de dormir e sorriu:

“Você não está assustado com isso, está?”

“Um pouco.” Su Bai respondeu. Mas foi ainda mais assustador na história da Rádio Macabra.

Então, Su Bai sentou-se na beira da cama de Liu He. “Por que você traz isso para a escola?”

“Nossa família costumava dirigir um negócio de homens de papel. Meu avô e minha avó fizeram isso para ganhar a vida e também a minha mãe e meu pai. Eles forneceram minha educação com o dinheiro que eles conseguiram do negócio com os homens de papel, até eu entrar nessa faculdade. Portanto, não tenho medo de homens de papel como à maioria das pessoas; pelo contrário, eu os acho amigáveis, como se fossem meus amigos. É meu passatempo transportá-lo aonde quer que eu vá… No entanto, homens de papel não devem ser deixados, eu tenho que colocá-lo debaixo da minha esteira; caso contrário, seria minha culpa se isso assustasse a todos vocês.”

Su Bai assentiu. “Entendo.”

Então ele se levantou.

Liu He olhou para Su Bai com um leve sorriso.

“Você conhecia a namorado de Chen Chu?”

Liu He acabara de engolir um pedaço de pêra. Ele esfregou os lábios com as costas da mão e depois se sentou na cama de Chen Chu.

“Por que a pergunta?”

Até então, Liu He realmente tinha mostrado um temperamento diferente – sim, muito diferente; ele não era mais o cara legal que sempre tinha medo de problemas. Em vez disso, ele se tornou um pouco… calmo demais.

“Apenas curiosidade.” Su Bai respondeu.

“Não, você é mais do que apenas curioso. Su Bai, você sabe, todos os colegas de classe, incluindo Chen Chu e eu, podem dizer que você deve ter uma família poderosa por trás de você, e é por isso que você está sempre distanciado de nós. Eu sei que você não está olhando para os outros por causa de seus antecedentes, não há necessidade de estar junto conosco. Além disso, nós geralmente não passamos tempo juntos. Você é realmente um cara legal, eu sei disso. Mas nós não somos amigos, pois não somos iguais entre si em dinheiro e status social. Afinal, ‘amigo’ está escrito com dois sinais de dinheiro, certo?”

[ID: Em chinês, o caractere ‘amigo’ também significa duas cordas de moeda nos tempos antigos, portanto, essa frase significa que duas pessoas com diferentes contextos financeiros ou status social não podem realmente se tornar amigas.]

“Então, eu sei, você não se importará com nossos assuntos pessoais sem uma boa razão. Você não é tão chato ou fofo.”

“Apenas me diga a verdade. O que você descobriu?”

Liu He continuou mordendo a pêra. Mas desta vez, ele estava mastigando um pouco mais forte, fazendo assim um som mais óbvio.

“Eu não sei nada, mas eu tenho uma sensação.” Su Bai apoiou a cabeça com uma mão e colocou o outro braço em volta da cintura, como se tivesse encontrado uma postura perfeita para falar confortavelmente.

“Oh? Que sensação?”

“O que você está me mostrando.” Su Bai olhou para os olhos de Liu He.

Liu He guardou sua pêra. “Eu não sei do que você está falando. Realmente, sinto muito por Chen Chu e sua namorada. Afinal, eles são meus colegas de classe, meus colegas de faculdade e eles morreram de uma maneira tão terrível.”

Su Bai sacudiu a cabeça. “Homens de papel – eles são lindos aos seus olhos, certo?”

Liu He não tinha ideia do por que Su Bai falou sobre isso, mas ele ainda acenou com a cabeça.

“Eles parecem ser amigáveis.”

“Então, eles são sua família?”

“Família? Não, isso é muito longe. Mas não é exagero dizer que eles são meus amigos. Eu cresci com homens de papel. Quando meus avós e meus pais estavam construindo homens de papel, eu brincaria no quintal. Eu brincava com aqueles homens de papel e eles me mantinham acompanhado. Toda vez que eu via um homem de papel ser queimado, eu ficaria tão triste.”

“Para mim, homens de papel também têm carne e sangue, até pensamentos. Eles não são diferentes dos humanos.”

“Queimá-los e deixá-los servir aqueles mortos irrelevantes lá embaixo, isso me deixa tão triste, mesmo culpado por não proteger meus amigos.”

Ouvindo isso, Su Bai esticou a língua e lambeu os próprios lábios.

“Então… desde que são seus amigos… por que você pediu aos seus amigos para matar por você e fazer coisas horríveis por você?”

Liu He colocou a pêra na cama de Chen Chu, inclinou-se para trás e enterrou-se no mosquiteiro sobre a cama de Chen Chu. Sua voz saiu um pouco vazia.

“Você sabia.”

“Sim.” Su Bai assentiu. “Eu costumava pensar que você era um cara legal.”

“Eu sou um cara legal. Um homem não pode ser muito ruim se ele pode fazer amizades com homens de papel.” A voz de Liu He tornou-se mais e mais vazia, como se ele não estivesse sentado na cama de Chen Chu em frente à Su Bai, mas escondido em uma escuridão insondável.

“E haverá um ‘mas’, certo?” Su Bai disse.

“Mas… bem, algo está além da tolerância de um homem.”

A voz de Liu He finalmente começou a ter flutuações; aparentemente, algo estava irritando seus nervos.

“Nana, ela era minha namorada! Chen Chu a tirou de mim e me enviava fotos dela todas as noites! E ele me mostrou isso neste quarto! Mais uma vez, repetidamente! Ele me enviou vídeos dos dois fazendo sexo pela QQ e pelo WeChat!”

[ID: Que sacanagem…]

Su Bai respirou fundo. Honestamente, ele não tinha ideia de tudo isso. Para ele, o dormitório era apenas um lugar para dormir um pouco, e ele realmente não entraria em contato com eles; então ele nunca percebeu que havia um triângulo amoroso neste quarto.

“Então ele teve que morrer? De tal maneira? E também sua ex-namorada?” Su Bai perguntou.

“Ha. Su Bai, você realmente vai me julgar?”

Liu He de repente riu.

Su Bai imediatamente ficou sério, porque ele pensou em outra coisa: se Liu He não era tão aborrecido e benigno quanto ele costumava pensar, talvez já tenha notado alguns vestígios que ele deixou nesse dormitório!

“Meu homem de papel me disse que você tem um cheiro de sangue e até mesmo um sentimento de ressentimento em torno de você, que é um sentimento de pessoas mortas. E esse sentimento só será liberado no último momento antes da morte de uma pessoa.”

“Su Bai, você é um estudante universitário rico e você não precisa entrar em contato com os Mentores Silenciosos, mesmo que você os tenha tocado, esses Mentores Silenciosos, usados como modelos, foram tocados por milhares de estudantes e eles não deixam esse sentimento de ressentimento após todos esses anos.”

“Então, Su Bai, o que você fez?”

Liu He pareceu um pouco irônico.

Su Bai não disse nada.

Vendo Su Bai cair em silêncio, Liu He continuou.

“Isso significa que você matou, recentemente e mais de uma vez. Estou tão curioso. Su Bai, por que um playboy rico como você tem que matar tantas pessoas com tanta frequência? O que há de errado com você? Além disso, é tão óbvio que você matou mais do que apenas duas pessoas. Então, você sabe o que quero dizer, não é?”

“O que faz você qualificado para me julgar?”

“Você está errado sobre mim, ou o homem de papel mentiu para você, ou há uma razão mais adequada para isso: você se tornou um psicopata.” Disse Su Bai. Normalmente ele poderia conversar livremente com membros do clube, mas quando conversava com outra pessoa, ele definitivamente não admitiria o que ele havia feito, não só porque não era necessário, mas também por uma auto-proteção instintiva.

“Homens de papel nunca irão mentir. Ninguém é mais fiel do que os homens de papel e ninguém entende melhor a amizade do que os homens de papel.” Liu He pareceu ter perdido o interesse em conversas indiretas, então ele foi direto ao ponto: “O que você quer de mim? Você vai me excitar ou algo assim?”

“Estou interessado em metafísica.” Respondeu Su Bai. “Quanto a transformar você ou levá-lo para a luz, honestamente, eu não estou interessado.”

“Isso é fácil, eu posso te dar o que você quer. Já não são os tempos antigos em que as pessoas valorizavam demais as coisas. Algumas coisas podem ser compartilhadas. Claro, eu acredito que você pode pagar o suficiente com dinheiro ou outros materiais de troca.” Liu He respondeu diretamente.

“Dinheiro não é problema. Apenas diga seu preço, desde que você possa me dar o que eu quero.” Su Bai também respondeu diretamente.

No entanto, apenas neste momento, aquele homem de papel que costumava se esconder debaixo da esteira lentamente se levantou. Su Bai estava sentado na cama de Liu He; agora, aquele homem de papel estava sentado atrás dele. A faca de papel em sua mão estava brilhando friamente, e a cor vermelha em suas bochechas era tão pesada que poderia fazer um homem se sentir sufocado.

A faca de papel foi levantada devagar…

… com uma frieza estranha!


Capítulo Anterior | Próximo Capítulo